Tutorial Sobre Pseudo-Hipnose

Tutorial Sobre Pseudo-Hipnose
4.7 (94.86%) 514 vote[s]

Agora só pra gente não deixar passar em branco, vou explicar formalmente o que é Pseudo-hipnose A gente usa e escuta esse termo “Pseudo-hipnose” o tempo todo

E o que significa Pseudo-hipnose? Pseudo-hipnose é você basear-se no processo que é puramente fisiológicoE falar que a partir daí que foi hipnose De forma a enganar o sujeito, e o sujeito fechar sua resistência em relação ao processo Então na hipnose, as pessoas brincam muito que eu falo que o hipnotista frequentemente vai mentir Ele mente como? O hipnotista mente no sentido de que aquela conversa prévia que a gente faz

Aquele pre-talk, esse rapport, ele não é pra informar sobre hipnose O rapport existe para hipnotizar Por exemplo Existe o risco de alguém sob hipnose, fazer algo que ela moralmente não aceita? Existe Existe Deixa eu explicar, por exemplo Vamos supor que a pessoa não bebe álcool Se eu colocar em transe, um cara abstêmioColocar ele em transe, falar que aquela garrafa de álcool, de vodka é águaEle vai beber? Vai Então, o objetivo da conversa prévia é hipnotizar

Vamos supor que você é um médico e tem que tirar um lipoma e vai precisar de anestesia geral Você não vai chegar no sujeito e falar: “Olha, a cirurgia é simples Pode ficar tranquilo” “Só pode ter um choque anafilático” “Você pode ter um choque anafilático e morrer

” “Você pode” Você acha que eu vou listar todos os pormenores de todos os pequenos problemas que podem surgir? Não! O médico vai falar das seguranças, mas ele não vai fechar o sujeito em relação à todas Vamos supor O sujeito tem que saber os riscos do que ele está fazendo

Agora, existem riscos poucos prováveis Existe o risco de cair uma bomba aqui? Existe Sei lá, mas qual que é o risco? O risco, ele mensuravelmente é muito pequeno Então, existe o risco da pessoa que eu for hipnotizar agora, fazer algo que ela não quer? Se eu mexer nas variáveis? Existe Por exemplo, eu posso colocar o sujeito na clínica

Um menino ou uma menina em transeE fazer ele ou ela tirar a roupa achando que está em casa, tomando banho A pessoa não vai fazer nada que, ela moralmente condene Assim como ela não vai pular Não tem como eu mexer na realidade de alguém, pro sujeito pular a janela

Não tem como Agora, é possível abusar sexualmente alguém na terapia? Certamente! Certamente é possível Agora, se você vai abordar o sujeito Você vai já, no início do rapport, falar sobre isso? Não, não vai! Não vai Então, a hipnose, ela envolve, inicialmente, pequenas mentiras que surgem para poder facilitar o rapport

Então a pseudo-hipnose é isso Pseudo-hipnose é você utilizar mecanismos que são puramente fisiológicos pra a partir desses mecanismos, o sujeito entrar no loop hipnótico Agora, a partir da pseudo-hipnose, pode surgir hipnose de verdade? Pode Por exemplo, com o Lucas

O Lucas estava fazendo o dedo É fisiológico o dedo não soltar de jeito nenhum? Não Isso é hipnose

Fisiológico é você parar o dedo, e o dedo vai se aproximar de novo Agora, inclusive a aproximação, ela chega até aqui Quando você está fazendo pseudo-hipnose, essa rotina do Dedo Magnético, se o sujeito chega até aquiVocê vê que o sujeito está engajado, mas simplesmente o dedo não juntou Agora, tem sujeito que você vai fazer pseudo-hipnose e fica assim

Não Ele está indo contra o movimento que é fisiológico Se ele está indo contra o movimento fisiológico, ele está te sabotando

Então pseudo-hipnose é utilizar de algum mecanismoQue é fisiológico para o sujeito se convencer que está sendo hipnotizado Igual tinha uma brincadeira que a gente fazia do braço Perrô, vem cá, por favor Você se incomoda de aparecer no YouTube? Você se incomoda de aparecer no YouTube? Não? Pode virar virado para lá

Imagine que estou colocando um balão aqui Beleza? Um balão Esse braço fica cada vez mais leve Mas antes dissoVocê vai ficar por 1 minuto com ele bem esticado

Tentando levantar ele lateralmente Beleza? E eu estou colocando aqui um balão Pode colocar força Pode quebrar minha mão Isso, bem forte

Bem forte Isso Bem forte Vai, bem forte Mais forte, mais forte

Isso Toda sua força Imagina que sua vida depende disso Isso Toda sua força

Isso Toda sua força Isso E eu to colocando cada vez mais balões Cada vez mais balões

Tá bom Pode parar, pode parar E os balões começam a levantar seu braço Começa a levantar Por que que acontece isso? – Nossa

Isso é fisiológico O músculo, de tanto esticar, de tanto esticar, de tanto esticar, ele simplesmente vai e você estica o braço Você pode fingir que isso é hipnose? Pode Se você não soubesse desse fenômeno, falaria assim: “E agora” Eu acho tosco porque todo mundo conhece esse negócio, sabe? Aí eu falo: “Oh a hipnose! Seu braço levitando” Aí o sujeito pode entrar no loop e começar a levantar demais Pode Pode A questão é que a pseudo-hipnose é algo que é fisiológico

E esse algo que é fisiológico, ele vai sendoRetroalimentado e pode se transformar em hipnose As pseudo-hipnoses mais famosas são a do Dedo Magnético Que a gente já tinha feito Essa da mão colada é pseudo-hipnose

Por que que ela é pseudo-hipnose? Porque no momento em que Vem cá! No momento que Vou colar essas mãos agora! Junta os dedos, junta os pés Isso

Junta os pés, junta as mãos E depois vira pra fora Isso Olhe bem pra cá Quanto mais eu vou tocar no seu ombro Seu ombro não, seu cotovelo

Quanto mais toco no seu cotovelo, mais colado fica Isso Cada vez mais colado

Isso Imagina que tem uma cola naquele ponto Vou contar de 1 até 5

Somente no 5Você tenta soltar mas não consegue Tenta mais não consegue

Isso 1 Ainda mais colado 2 Ainda mais colado

3 Completamente colado 4 Estica o braço! Isso! Quanto mais estica, mais colado fica Quanto mais estica, mais colado fica

5 Tenta soltar, mas não consegue! Faz força! Faz força! Entrou em transe já Não era pra entrar Era pseudo-hipnose Pode soltar! Pode soltar

Palmas pra ele! Palmas pra ele! Por que Alguém já tinha colado sua mão antes? Alguém já tinha colado sua mão antes? – Não No momento em que eu pego os cotovelos dele e junto

Fica impossível soltar Então aquele choque inicial de soltar assim, ele não é decorrente de hipnose Ele é decorrente de esticar o cotovelo

Só que no momento em que o sujeito não solta de jeito nenhumAí já se transformou em hipnose Então, na verdade, a pseudo-hipnose, ela é algo seguro por quê? Porque você fazE você se resguarda de certa forma “Ah! Vou fazer com algum parente

” Beleza! Com parente você faz pseudo-hipnose Fica aí, deu certo, beleza! Já deu certo! Valeu! Eu vou embora feliz da vida Não vou fazer mais coisas

Porque parente, você aí que está vendo o vídeo A última pessoa que você tem que treinar é com sua família A família quer te sabotar frequentemente Então As pseudo-hipnoses mais famosas são a do dedo [magnético] Essa [Mãos coladas] E a do olho Eu fiz a do olho até agora como se fosse hipnose

Vamos fazer a de pseudo-hipnose agora Vamos fazer com Você

Pode vir pra cá! Já colaram os seus olhos antes? Não? Vou colar agora, de qualquer jeito! Beleza? Pode fechar os olhos, virar para cá Isso Quero que você imagine aqui em cima, uma janela E vira os olhos para cima dessa janela Isso! Só olhar pra cima

Imagina vendo as estrelas, e sentindo cada vez melhor Vou passar uma cola bem quente nesses olhos Bem quente Quando eu tocar seus olhos, eles vão ficar ainda mais colados Continue olhando pra janela aí em cima

Isso Quando tocar sua sobrancelha, eles vão ficar ainda mais colados Isso Ainda mais colados Continue olhando para cima

Isso Farei contagem de 1 até 5 Somente no 5Tenta abrir mas não consegue Somente no 5

1 Ainda mais colado 2 Ainda mais colado 3

Completamente colado 4 Quanto mais tenta, mais colado fica 5 Tenta abrir mas não consegue! Faz força! Pode soltar

Palmas para ele! Funcionou por quê? Porque foi fisiológico Fisiológico vai funcionar! Se o sujeito fecha o olhoE olha pra cima A pálpebra não funciona A pálpebra não funciona e o sujeito não abre o olho Agora, quando eu vou fazerHipnose, eu gosto de saber se o sujeito está entrando na minha Então, se eu faço uma coisa que é puramente fisiológica, o sujeito também não me dá feedback se eu estou sendo um bom hipnotista

Então eu não gosto de fazer nada que é tão fisiológico Por exemplo, os olhos Os olhos só tem um pouco da dissociação da movimentação do olho Eu faço a movimentação do olho assim, falsa Mas eu não gosto de ser tão fisiológico “Olha pra cima”, porque eu não quero que seja infalível

Eu quero que essa situação me dê informação acerca de quanto que o sujeito está na minha ou não Na minha linguagem Então eu gosto de fazer com uma forma que não seja tão infalível assim Então por isso que não faço esse negócio de ficar pegando cotovelo e juntando, e juntando, e juntando, e juntando Por isso que não faço esse negócio do olho: “Olha pra cima!” Mas sei que várias pessoas fazem e funciona muito bem mesmo

Então essas pseudo-hipnose geralmente são chamadas de “convincers” Agora, sempre uma pseudo-hipnose pode acabar se tornando hipnose de verdade Até o próximo vídeo! Obrigado por assistir a mais esse vídeo Quer aprender mais sobre hipnose? Inscreva-se em nosso canal Ou então

Clique aqui e assista a outro vídeo Até a próxima!